Atenção, contadores de histórias! Está começando o Viagem Literária 2017

Enviem suas propostas de trabalho até 13/03.

A SP Leituras, organização social de cultura, responsável pela execução do programa Viagem Literária 2017, está recebendo propostas de artistas e/ou grupos interessados em participar do Módulo Contação de Histórias, que acontecerá durante o mês de maio em 90 cidades paulistas.

Condições e estrutura oferecida:

  1. Cada artista e/ou grupo selecionado visitará 5 cidades de uma mesma região para realizar 10 intervenções, sendo duas por biblioteca, uma na parte da manhã, e outra, no período vespertino;
  2. Cada contação de histórias deverá ter, no mínimo, 60 minutos de duração;
  3. As apresentações acontecem de segunda a sexta-feira.
  4. Público-alvo: estudantes do Ensino Fundamental (de 6 a 14 anos) / comunidade em geral / público espontâneo;
  5. O pró-labore artístico é de R$ 900,00 brutos por intervenção;
  6. O pacote de cinco cidades com duas intervenções em cada uma totaliza R$ 9.000,00 (nove mil reais) brutos. No referido montante, estão incluídos os valores para alimentação e despesas pessoais no período;
  7. As despesas com diárias de hotéis e locomoção entre as cidades do roteiro são pagas pela SP Leituras;
  8. As viagens serão realizadas em veículo com motorista, tendo a cidade de São Paulo como ponto de saída e chegada.

Os interessados manifestar seu interesse pelo e-mail siseb@spleituras.org até 13/03/17, informando o seguinte:

  1. Forma de contratação (Pessoa Física ou Jurídica);
  2. Se a apresentação é individual ou o número de componentes, em caso de grupo;
  3. Indicação de períodos de cinco dias em semanas do mês de maio (entre os dias 8/5 e 02/06), para realização da viagem, caso seja selecionado;
  4. Quando houver, informar as necessidades técnicas a serem atendidas pelas bibliotecas, tais como microfones, caixas de som, computador, datashow etc.

Na mesma mensagem, deverão ser enviados como anexos em arquivos .doc ou .pdf:

  •  Proposta de duas contações de histórias, contendo título, conteúdo e metodologia;
  • Indicação dos livros que serviram para a criação do roteiro da apresentação;
  • Minicurrículo do artista ou grupo (máx. 500 caracteres);
  • Pelo menos, três fotos em alta resolução para material de divulgação (impresso e web).

Caso a proposta seja adequada às necessidades do programa, a SP Leituras enviará o convite e as orientações para formalização do contrato.

 

Mais informações:

SP LEITURAS – PROJETOS E PROGRAMAS

Telefone (11) 3155 5444

siseb@spleituras.org

8 comments

  1. Márcio Teixeira

    Muito esclarecedor, mas perdi o prazo para contação de histórias. Como fazer?

  2. Sou um Contador de Histórias para Adultos.

    As minhas Contações podem ser ouvidas por qualquer criança, mas é que elas visam atingir pessoas que querem amadurecer, falar sobre seus sentimentos, enfim, repensá-los.
    E as crianças gostam muito disto, tanto quanto alguns adultos.

    Comecei no teatro infantil fazendo o “lobo mau” e o “golias contra o rei Davi”, etc.
    Mas um dia levei minha filha num espetáculo de Contação de Histórias; e a Contação pegou-me !

    Hoje sou um Contador de Histórias para Adultos, baseando minhas Contações em crônicas, principalmente.
    São crônicas que falam de amor e desamor, esperança e frustração, amadurecimento e infantilidade.

  3. Atriz profissional, arte-educadora, contadora de histórias há mais de vinte anos. Expreriência em eventos como a Bienal Internacional do Livro em 3 edições..

    Sou Elizabeth Daniel, atriz profissional, contadora de histórias, arte-educadora e pedagoga. Iniciei como contadora de historias em 1992, no Projeto Enturmando da Secretaria do Menor, desde então me divido entre dar aulas de teatro, oficinas para educadores e contar histórias. Como atriz fiz parte do CPT (Centro de Pesquisa Teatral) de Antunes Filho.

    Sou professora de teatro na Instituição Obra Social Dom Bosco há exatos vinte anos, onde além de aulas de teatro e narração de histórias para crianças, também trabalho com adultos.

    Meu projeto *BAÚ ENCANTADO*, visa muito mais que só entreter, meu objetivo com meu repertório é despertar no ouvinte o interesse e o prazer pela leitura e a integração total durante as histórias narradas por mim. este é o meu diferencial na contação de histórias que realizo em escolas, Ongs, Bienal Internacional do Livro, Estações da CPTM, atuante na Biblioteca Hans Christian Andersen com narrações voluntárias duas vezes por mês nos últimos três anos entre outros espaços.

  4. Chamou-me atenção quando assisti em um programa de TV contadores de histórias que a partir daí resolvi desenvolver e aplicar nos eventos que fui convidado.

    O projeto nasceu através das pesquisas literárias nas Bibliotecas Públicas e espectador assíduo em Teatro,senti a falta de pessoas que fomentassem contação de histórias no próprio local,conversando com alguns funcionários sobre criar e elaborar contos que atendesse a necessidade de desenvolver uma atividade que colaborasse com a fala,com os movimentos corporais e que tornasse os frequentadores como futuros leitores em potencial.
    Recebi convites pelo Departamento de Cultura para abrir eventos principais,atendendo mais de 400 crianças,adolescentes,adultos e idosos.
    Os locais dos eventos foram realizados na Biblioteca Pública Municipal e Acessa São Paulo.

  5. Bom saber da existência do programa Viagem Literário. Desejo em breve fazer parte desta viagem.

    att

    Carlos Moreira

  6. RAQUEL MACHADO

    Gratidão

    Adorei saber sobre a viagem literária. Bons ventos, bons tempos para muitas histórias.
    Gratidão pela partilha!

  7. Sou um CONTADOR DE HISTÓRIAS PARA ADULTOS(só para adultos, mesmo), de Niterói, RJ. As minhas Contações podem ser ouvidas por qualquer criança, mas é que elas visam atingir a concretude e o espiritua

    Olá.

    Grande projeto !
    Parabéns.

    Sou um Contador de Histórias para Adultos(só para adultos, mesmo), de Niterói, RJ.

    Minhas Contações podem ser ouvidas por qualquer criança, mas é que elas visam atingir a concretude e o espirtual do amadurecimento humano.

    Para que tenham uma ideia de meu trabalho artístico, deixo aqui a minha página:
    https://www.facebook.com/contar.historias.para.adultos.1/

    Abraço

    1. Sou um CONTADOR DE HISTÓRIAS PARA ADULTOS(só para adultos, mesmo), de Niterói, RJ. As minhas Contações podem ser ouvidas por qualquer criança, mas é que elas visam atingir a concretude e o espiritual do amadurecimento humano. Para que tenham uma ideia de meu trabalho artístico, deixo aqui a minha página:https://www.facebook.com/contar.historias.para.adultos.1/

      Grande projeto !

      Parabéns.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *